UPE Petrolina exibe filmes e promove debates para celebrar Dia da Mulher

Para celebrar o Dia Internacional da Mulher, a Universidade de Pernambuco (UPE) vai promover uma programação especial durante todo o mês, no campus de Petrolina, no Sertão de Pernambuco. Serão realizadas exibições de filmes tendo a mulher como tema central, após as exibições  serão feitas rodas de discussão.

Segundo a professora de Colegiado de História da Upe, Edianne Nobre, as ações devem envolver os estudantes na discussão das temáticas voltadas a mulher. “A ideia é promover uma integração com todos os cursos, já tivemos problemas com alunos mais machistas, mas falar é muito melhor que omitir as questões”, destaca. As atividades não são restritas aos estudantes, sendo aberta a toda comunidade.

De acordo com a programação, serão exibidos filmes, sempre a partir das 18h20, com abordagens diferente sobre a mulher.

Dia 2 de março: ‘A cor purpura’, filme de drama que trata de questões de discriminação racial e sexual.

Dia 16 de março: ‘O Sorriso de Monalisa’ que conta a história de uma professora de arte que enfrenta uma escola feminina tradicionalista, tentado abrir a mente das alunas para um pensamento liberal, enfrentando a administração da escola e as próprias garotas.

Dia 23, será exibido ‘Histórias Cruzadas’ que revela o drama das empregadas negras nos Estados Unidos durante a luta pelos direitos civis.

No dia 30 de março será o filme ‘As Sufragistas’ que retrata a vida de um grupo de mulheres que resistia à opressão de forma passiva, sendo ridicularizadas e ignoradas pelos homens.

No dia 8 de março que celebra o Dia da Mulher está prevista a realização do ‘Curta Upe’ com exibição do curta ‘ A maioria Oprimida’, o filme da diretora francesa Eléonore Pourriat traz à tona o cotidiano de um homem comum em uma sociedade onde ele é oprimido pelas mulheres. Também haverá um debate e uma manifestação contra o assédio feminino e o abuso no hall dos laboratórios, na sede da Upe. Já no dia 22 de março será discutida as representações religiosas femininas com a participação de uma mãe de santo de um terreiro da região.

Fonte: G1 Petrolina

Categorias Destaque Entretenimento Eventos