Procuradoria apura falhas no Enem

Alvo de constantes questionamentos, o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) voltou à pauta da Justiça.Anteontem (22), o Ministério Público Federal, por meio da Procuradoria da República na Bahia, publicou no Diário Oficial da União a instauração de um inquérito civil para apurar irregularidades na aplicação da prova à pessoas com deficiência física, denunciadas por um morador do estado. Embora a ação do MPF seja apenas o primeiro passo para investigar o caso, denúncias sobre a falta de acessibilidade são recorrentes. As reclamações vão desde a falta de espaços adaptados até a ausência de funcionários capacitados. Apesar das controvérsias, o presidente do Inep, Luiz Cláudio Costa, afirma que a prova é a mais inclusiva do País. “O Inep está envidando esforços para garantir o acesso de todos os inscritos”, diz em nota.

 

Fonte: Correio Braziliense – DF

Por Angela  Santana

Categorias Educação