Papa: presépio e árvore são símbolos da luz e da ternura de Deus

O Papa Francisco concluiu sua série de audiências desta sexta-feira (07/12) recebendo os doadores da árvore de Natal e do presépio que enfeitam a Praça São Pedro este ano.

Trata-se de duas delegações italianas: uma proveniente da região de Veneza, que doou a árvore, e outra do Vêneto e de Friuli-Venezia Giulia, que doou o presépio.

Símbolos que fascinam

Após agradecer às autoridades civis e eclesiásticas, o Pontífice afirmou que a árvore e o presépio são dois símbolos que nunca deixam de fascinar, pois falam do Natal e ajudam a contemplar o mistério de Deus feito homem.

“ Com as suas luzes, a árvore de Natal nos recorda que Jesus é a luz do mundo, é a luz da alma que expulsa as trevas das inimizades e abre espaço ao perdão. ”

De modo especial, o Papa falou do presépio já instalado na Praça, que este ano foi feito com a areia das montanhas das Dolomitas. “A areia, material pobre, evoca a simplicidade, a pequenez com a qual Deus se mostrou com o nascimento de Jesus na precariedade de Belém.”

Pequenez é liberdade

A pequenez pode parecer em contradição com a divindade, notou o Papa. Mas, ao invés, a pequenez é liberdade. No sentido evangélico, quem é pequeno é livre de toda pretensão de sucesso. “O Menino Jesus que depositamos no presépio é santo em pobreza, pequenez, simplicidade e humildade.”

Francisco então concluiu seu discurso fazendo votos de que o presépio e a árvore possam levar às famílias um reflexo da luz e da ternura de Deus, desejando a todos Feliz Natal.

 

FONTE: Vatican news

Categorias Destaque 2 Religião