FLUORETAÇÃO DAS ÁGUAS DE ABASTECIMENTO PÚBLICO É PAUTA DE REUNIÃO EM PETROLINA

Em visita à Petrolina nas comemorações da Semana do Dentista, promovida pela Associação Brasileira de Odontologia (ABO) no município, o professor de bioquímica da Faculdade de Odontologia de Piracicaba (UNICAMP), Jaime Aparecido Cury aproveitou para conhecer a estrutura de atenção à saúde bucal oferecida pela rede municipal e se encontrar com o prefeito Julio Lossio. O profissional é uma das principais referências mundiais em odontologia, no que diz respeito às pesquisas sobre a fluoretação das águas que abastecem as cidades.

No final da manhã da última sexta-feira (26), Dr. Jaime Aparecido Cury, acompanhado da secretária Municipal de Saúde de Petrolina, Lucia Giesta, dos representantes da ABO, João Carlos Iamauti e Marcelo José Soares, e do ex-secretário de saúde de São José do Rio Preto (SP), Fernando Araújo, visitou a unidade de Atendimento Multiprofissional Especializado – AME Saúde da Família do bairro Areia Branca. “A estrutura física dos consultórios de odontologia é perfeita, adequada ao tipo de atendimento proposto, inclusive com o escovódromo que dá a ideia da execução de atividades educativas”, afirmou o odontólogo, parabenizando a secretária de saúde pelo trabalho realizado na cidade.

 À tarde, a comitiva se reuniu com o prefeito Julio Lóssio e com o diretor-presidente da Agência Municipal de Meio Ambiente, Geraldo Junior, a fim de solicitar da próxima empresa responsável pelo abastecimento de água do município a aplicação do flúor na água. “A fluoretação da água é uma medida de saúde pública, que reduz em aproximadamente 60% o índice de cáries da população”, ressaltou Dr. Jaime Cury.

 Além de ser uma recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS), a fluoretação das águas de abastecimento público é prevista na Lei Federal n° 6.050 de 24 de maio de 1974. No entanto, essas determinações são descumpridas por muitos municípios, inclusive Petrolina. “Essa gestão assumiu o compromisso de cuidar bem das pessoas. Por isso, estamos buscando caminhos para que o direito da população de ter a sua água fluoretada seja cumprido. Isso reduz o número de cáries e, consequentemente, a perda do dente. No futuro teremos crianças, adultos e idosos com uma boca mais saudável”, declarou o prefeito Julio Lossio.

Fonte: Ascom

 Por Marcelo Damasceno

Categorias Saúde