EPTTC exclui concentração do “Grito dos Excluídos” na Praça Dom Malan

DSC00524

Barreira impede passagem da concentração do “Grito”. Foto: Jailson Gomes

A  Coordenação e manifestantes do Grito dos Excluídos, neste sábado, 7, feriado do sete de setembro, foram “estranhamente”  surpreendidos pela Empresa Petrolinense de Trânsito e Transporte Coletivo, EPTTC, segundo entrevista do  Coordenador Geral da Pastoral Social, ligada à Diocese de Petrolina, Padre Luis Angelo,  que, ” sem maiores explicações, proibiu a  concentração do Movimento criado pela Igreja Católica, já tradicional nesta data há 19 anos”, disse o religioso.

A Empresa administrada pelo Governo Municipal, pela primeira vez desde a criação do ato,  instalou, segundo informação da professora Josefina Gracileide,  “um estado de sítio em toda área ao redor da praça Dom Malan, sem uma razão convincente lembrando o regime de Ditadura no Brasil do passado, impedindo um movimento pacífico, sério e comprometido com as liberdades democráticas, porém, sensatas”, desabafou com exclusividade para este PORTAL e rádio A VOZ DO SÃO FRANCISCO AM. Aguarde mais informações.

Marcelo Damasceno,

Categorias Brasil Cidadania Cidade Destaque Eventos Geral Manifestações Polêmica Região Religião Trânsito