Campanha de vacinação contra a gripe é prorrogada devido à paralisação de caminhoneiros

Conforme decisão do Ministério da Saúde, a Prefeitura de Petrolina irá prorrogar  até o dia 15 de junho as atividades da Campanha Nacional de Vacinação Contra a Gripe. A decisão foi motivada pelos efeitos da paralisação dos caminhoneiros que tem dificultado a distribuição dos insumos.

Inicialmente, o fim da campanha estava previsto para esta sexta-feira, 1° de junho. De acordo com os últimos dados da Secretaria de Saúde, em Petrolina, até o momento, foram vacinadas quase 42 mil pessoas, o que equivale a 66% do público-alvo, que inclui idosos a partir de 60 anos, crianças de seis meses a cinco anos, trabalhadores da saúde, professores das redes pública e privada, povos indígenas, gestantes, puérperas (mulheres em até 45 dias após o parto), pessoas privadas de liberdade e funcionários do sistema prisional.

A prefeitura destaca, mais uma vez, que o público-alvo, principalmente, pais de crianças maiores de seis meses a menores de 5 anos, que apresentam o menor número de cobertura vacinal, compareçam à unidade de saúde mais próxima e se imunizem contra os três tipos de vírus: H1N1, H3N2 e Influenza B. A vacina é a maior garantia de prevenção da doença.

ASCOM

Categorias Cidade Destaque 2 Notícias Região