Câmara Municipal faz homenagem aos 95 anos da Diocese

Nesta quarta feira (21), aconteceu a sessão solene em homenagem aos 95 anos da diocese de Petrolina. Na ocasião, foi entregue ao Bispo Dom Francisco Canindé Palhano a medalha Dom Malan, maior honraria que a câmara de vereadores pode oferecer. O vereador Rodrigo Araujo foi o autor do projeto que foi aprovado por unanimidade pela câmara de vereadores.

O primeiro a falar foi Rodrigo Araujo que registrou a felicidade de poder fazer parte da história da Diocese de Petrolina e agradeceu também a aceitação do projeto, aprovado por unanimidade pelos vereadores. “Eu fico muito agradecido por toda a história da igreja católica na nossa cidade. 95 anos de luta, muita fé em Deus, muita ajuda as pessoas. Fazer o bem sem olhar a quem. Eu pensei com muito carinho, porque a Diocese merece”, declarou o vereador Rodrigo Araújo.

Para o autor do projeto, o vereador Rodrigo Araújo (PSC)

Já em nome da Diocese foi o padre Francisco José foi quem teve a honra de primeiro se pronunciar e prestou suas homenagens contando um pouco da história da Diocese de Petrolina. Marcada por grandes feitos e grandes nomes que moldaram a história da cidade.

Padre Francisco José.

A homenagem foi recebida pelo Bispo Diocesano Dom Francisco Canindé Palhano, responsável, pela Diocese de Petrolina. Em sua fala, Dom Francisco relembrou o primeiro Bispo da Diocese de Petrolina, Dom Malan e todos os outros bispos que passaram pela cidade.

Dom Francisco Canindé Palhano, em sua fala.

“Hoje nos alegramos em receber esta especial medalha intitulada com o nome do meu predecessor desta Diocese, Dom Antônio Maria Malan. Recebemos essa medalha, mas quem recebe é ele, porque é graças ao seu espírito empreendedor que hoje podemos celebrar 95 anos de história e de amor. Meu sentimento como 8° Bispo de Petrolina, é um sentimento de estima por todos os meus antecessores. Dom Antônio Maria Malan, Dom Idílio José Soares, Dom Avelar Brandão Vilela, Dom Antônio Campelo de Aragão, Dom Gerardo Andrade Ponte, Dom Frei Paulo Cardoso da Silva e Dom Manoel dos Reis de Farias, cada um deixando a sua marca nessas terras Petrolinenses. Essa medalha é fruto da entrega de cada um, de todos esses bispos. Muito obrigado pela honraria para a Diocese de Petrolina”, finalizou o bispo Dom Francisco Canindé Palhano.

A homenagem foi recebida pelo Bispo Diocesano Dom Francisco Canindé Palhano.

Carine Fernandes e Joaquim Leão

Categorias Cidade Destaque Notícias Religião Sem categoria